Notícias

Competidores chegam ao Rally Minas Brasil preparados após desafios internacionais

Postado em 24 de fevereiro de 2022
De volta da neve, Cristiano Batista busca a vitória em um terreno conhecido Crédito Virgínio Cruz/PhotoAction

De volta da neve, Cristiano Batista busca a vitória em um terreno conhecido
Crédito Virgínio Cruz/PhotoAction

 

Brasileiros aceleraram na Argentina e na Rússia neste começo de ano e mostraram a força do rali nacional, que entrará em ação de 9 a 12 de março em Araxá

O Rally Minas Brasil, de 9 a 12 de março, em Araxá (MG), abrirá o Campeonato Brasileiro de Rally Cross-Country CBM (motos e UTVs) e CBA (carros), mas alguns de seus competidores chegarão à disputa já aquecidos e em ritmo de competição. Ainda por cima em provas internacionais, com tipos de piso variados.

Nada menos que cinco duplas participam, até sábado (26), da terceira edição do South American Rally Race (SARR), na Argentina, entre os UTVs. Guilherme Benchimol/Daniel Spolidorio; Carlos de Casto Neto/Lourival Roldan; Thiago Fraga/Álvaro Amarante; Gunter Hinkelmann/Deco Muniz e Pâmela Bozzano (que correrá no Minas Brasil com outra navegadora, Ana Paula Treis). Além deles, Guilherme Bissotto acelera nas motos.

A delegação verde e amarela tem se destacado em meio a competidores de outros dez países, com vitórias de etapa e vários top-5 – o que confirma a força do rali brasileiro. Em Araxá, Gunter e Deco trocarão o UTV pelo carro.

Houve quem fosse ainda mais longe para iniciar sua temporada. Acostumado a competir no Português de Todo Terreno – um dos campeonatos mais fortes da modalidade –, e vencedor do Rally de São Paulo 2021, Cristiano Batista desta vez encarou o frio e a neve na Rússia. Ele acelerou na Baja Northern Forest, em São Petersburgo, válida pela Copa do Mundo FIA.

“Pilotar na neve era um sonho que eu tinha e finalmente consegui realizar. Imaginei que fosse muito mais difícil por não estar acostumado. As vezes o carro traciona muito, em outras ele escorrega bastante, é como na chuva ou na lama. O frio é forte principalmente nos pés, os dedos congelam durante as etapas. Agora estamos nos preparando para o Minas Brasil, sempre é uma prova diferenciada e espetacular. As expectativas são muito boas, é um tipo de terreno que eu conheço e o objetivo é começar muito bem o Brasileiro“.

Mineiro de Patos de Minas, agora ele terá a chance de acelerar bem mais perto de casa – mora a 150 quilômetros da região que será atravessada por pilotos e navegadores daqui a duas semanas.

Com organização da Rallymakers, o 4º Rally Minas Brasil terá percurso de cerca de 500 quilômetros, divididos em dois trechos cronometrados (especiais). A competição é aberta para as categorias Motos, Quadriciclos, UTVs e carros. As inscrições para a prova estão abertas e podem ser feitas no www.rallymakers.com.br.

A programação começa em 9 de março, com as vistorias técnicas e administrativas. No dia 10, os participantes fazem o shakedown, o prólogo – definição da ordem de largada para a 1ª etapa – e largada promocional (apresentação e saudação ao público). Nos dias 11 e 12, é hora de ligar os motores e acelerar fundo em busca do menor tempo na competição.

Texto Rodrigo Gini

 

O 4º Rally Minas Brasil é uma realização da Rallymakers com apoio da Prefeitura Municipal de Araxá, Rio Branco Combustíveis, Transmáquinas, Ghia Investimentos, Bompack e Jeep Clube Araxá.

Supervisão: CBM, CBA, FMEMG e FMA